Hesperian Health Guides

Medicamentos para infecção no útero

Para febre moderada durante o trabalho de parto, a ampicilina (ver em baixo) e a gentamicina são geralmente eficazes. Para a febre alta durante o trabalho de parto, ou se há sinais de infecção após o parto, use também metronidazol, para combater todas as bactérias que possam estar a causar infecção. É melhor injetar pelo menos a primeira dose de ampicilina, mas, se só tem comprimidos dê-os no lugar da injecção.

Injecte AMPICILINA 2 gramas. Espere 6 horas, em seguida, injecte ou dê por via oral de 1 grama a cada 6 horas.
     E
Injecte GENTAMICINA 5 mg por kg, uma vez por dia. Se você não puder pesar a mulher, injecte 80 mg, três vezes ao dia.
     E
METRONIDAZOL 500 mg por via oral, 3 vezes por dia.

Dê os três medicamentos até 2 dias após os sinais de infecção desaparecerem.

Em caso de alergia à penicilina, dê eritromicina 500 mg quatro vezes por dia em vez de ampicilina. Se não tiver estes antibióticos, pode fazer outras combinações de antibióticos. Escolha uma combinação que combate a uma grande variedade de bactérias.

Ampicilina


Ampicilina é uma penicilina de amplo espectro, o que significa que mata muitos tipos de bactérias. Muitas vezes se pode substituir com amoxicilina, isto é, se este livro ou outro sugere um destes medicamentos, você poderá usar o outro, na dose correta.

Ampicilina é muito segura e útil, especialmente nas infecções do parto.

Efeitos adversosGreen-effects-nwtnd.png

Ampicilina tende a causar náuseas e diarreia.

O outro efeito adverso comum da ampicilina é erupção cutânea. Mas borbulhas que fazem comichão, que aparecem e desaparecem em poucas horas é provavelmente um sinal de alergia à penicilina. Pare imediatamente de dar o medicamento. Nunca mais administre uma penicilina a esta pessoa, pois as reacções alérgicas futuras podem ser mais graves e até mesmo fatais. Em algumas situações a eritromicina pode ser usada em substituição. Uma erupção plana que parece sarampo, que geralmente começa uma semana após iniciar o medicamento e leva dois dias para desaparecer, não é necessariamente uma alergia. Mas é impossível saber com certeza se a erupção élergia ou não, por isso é melhor parar o medicamento.

ImportanteNBgrnimportant.png

A resistência a ampicilina está aumentando e se tornando muito comum. Dependendo de onde você vive, pode não ser eficaz contra staphylococcus, shigella ou outras infecções.

Como usarNBgrninjectpill.png

A ampicilina é eficaz quando administrada por via oral (pela boca). Ela também pode ser administrada por injecção, mas deve ser injectada apenas se houver doença grave como por exemplo uma infecção pélvica ou do útero, ou quando a pessoa está vomitando ou não consegue engolir.

Tal como acontece com outros antibióticos, dê sempre o medicamento pelo menor número de dias mostrado aqui. Se a pessoa continua com sinais de infecção, faça-a continuar com a mesma dose todos os dias até que todos os sinais de infecção desapareçam por pelo menos 24 horas. Se a pessoa tomou o medicamento pelo máximo número de dias aconselhado e continua doente, pare de dar o antibiótico e procure ajuda médica.

Da mesma forma, a dose do antibiótico a tomar depende da idade ou peso da pessoa e a gravidade da infecção. Em geral, dê doses menores a uma pessoa magra ou uma infecção ligeira e doses mais elevadas para uma pessoa mais pesada ou com uma infecção grave.

Para infecção no útero
Dê em combinação com outros antibióticos e na dose listada aqui.

Gentamicina


A Gentamicina é um antibiótico muito forte da família dos aminoglicósidos. Ela só pode ser administrada por injecção intramuscular ou intravenosa (na veia). Este medicamento pode causar dano aos rins e aos ouvidos, por isso deve ser usado com precaução.

ImportanteNBgrnimportant.png

Gentamicina deve ser dada na dose correcta. Dar muito mais do que o necessário pode causar lesão nos rins e surdez permanente. É melhor calcular a dose de acordo com o peso. Não dê gentamicina por mais de 10 dias.

Como usarNBgrninject.png

Para infecção no útero
Dê em combinação com outros antibióticos e na dose listada aqui.

Metronidazol


Metronidazol é eficaz no combate a certas bactérias e infecções, usado só ou em combinação com outros antibióticos.

Efeitos adversosGreen-effects-nwtnd.png

Náusea, cólicas e diarreia são comuns. Tomar o medicamento com alimentos pode ajudar a diminuir estes efeitos. As vezes causa sabor metáico ou dor de cabeça.

ImportanteNBgrnimportant.png

Não dê metronidazol nos primeiros 3 meses de gravidez porque pode causar defeitos ao nascer. Evite também, dar metronidazol no final da gravidez e durante o aleitamento materno a menos que este seja o único medicamento eficaz e seja realmente necessário.

Não beba álcool durante o tratamento com metronidazol ou até 2 dias depois de terminar de tomar. Beber álcool durante o trataento com metronidazol provoca náuseas. Não use metronidazol se tem problemas do fígado.

Como usarNBgrnpill.png

Em muitas situações, pode-se dar altas doses deste medicamento durante 3 dias, ou uma dose mais baixa 5 a 10 dias. As mulheres grávidas devem evitar o tratamento com doses altas.

Para a infecção no útero
Dê em combinação com outros antibióticos e na dose listada aqui.


Esta página foi actualizada: 18 set. 2021