Hesperian Health Guides

Gonorreia e clamídia

Tanto as mulheres como os homens podem ter gonorreia e clamídia, mesmo que não tenham sinais. Se a gonorreia ou a clamídia não for tratada, pode levar a uma infecção grave ou infertilidade em mulheres e homens.

Todas as mulheres grávidas devem ser testadas para gonorreia e clamídia porque o seu bebé pode contrair estas infecções durante o parto. Se o teste mostrar que ela tem gonorreia ou clamídia ou ambas, tanto ela como o seu parceiro devem ser tratados. Se ela ou o seu parceiro tiverem sinais de infecção, mas os testes não estiverem disponíveis, eles devem ser tratados. A gonorreia e a clamídia têm sinais semelhantes.

Sinais nas mulheres
  • corrimento verde ou amarelo da vagina ou ânus
  • dor no baixo ventre
  • febre
  • dor durante as relações sexuais
  • dor e ardor ao urinar


Se uma mulher tem gonorreia ou clamídia e também tem febre e dor no baixo ventre, ela pode ter doença inflamatória pélvica.

a man itching his crotch
Sinais nos homens
  • saída de pus do pénis ou ânus
  • inchaço doloroso nos testículos
  • dor ou ardor ao urinar


Num homem, os primeiros sinais começam 2 a 5 dias (ou até 3 semanas ou mais) após o contacto sexual com uma pessoa infectada. Numa mulher, os sinais podem não aparecer durante semanas ou meses. Mas uma pessoa que não tem nenhum sinal pode transmitir a doença a outra pessoa, começando alguns dias após a infecção.

Tratamento

O tratamento funciona melhor quando iniciado precocemente. Certifique-se de tomar todos os medicamentos, mesmo que comece a sentir-se melhor. Trate parceiro ou parceiros da pessoa com os mesmos medicamentos.

É melhor tratar a ambos para gonorreia e clamídia a menos que os testes confirmem que a pessoa penas tem uma delas, usando a combinação de 2 medicamentos para a gonorreia irá também tratar a clamídia. Se o teste mostra que existe clamídia mas não gonorreia, apenas um medicamento é necessário. O quadro Combinação de medicamentos para tratar gonorreia e clamídia mostra diferentes combinações e tratamentos dependendo dos medicamentos disponíveis.

Porque a gonorreia está a tornar-se cada vez mais resistente aos antibióticos, é melhor procurar aconselhamento local sobre que medicamentos são eficazes, estão disponíveis e acessíveis na sua área. Se o corrimento e a dor não desaparecerem em 2 ou 3 dias após o início do tratamento, isso pode significar que a gonorreia é resistente ao medicamento e que é necessário um medicamento diferente.



Esta página foi actualizada: 18 mai. 2022