Hesperian Health Guides

Conflitos florestais

Neste capítulo:

Como os recursos florestais são limitados, surgem muitas vezes conflitos entre as pessoas que precisam de usá-los de maneiras diferentes. Os conflitos também dependem da floresta e das indústrias exteriores à comunidade que querem os recursos que a floresta pode oferecer.

Sociodramas

Um sociodrama é uma maneira de usar o teatro para ajudar a pensar sobre os confl itos e as causas desses confl itos. Os sociodramas também podem ajudar as pessoas a explorarem várias possibilidades de acção e mudança (Ver “Sociodrama” e “Dramatizações”; ver também o livro da Hesperian Helping Health Workers Learn).

  1. Dividir as pessoas em grupo (de cerca de 5 pessoas cada) e dar a cada grupo uma pequena descrição de uma situação que poderá levar ao confl ito sobre o uso de recursos fl orestais. Criar situações em que as pessoas acreditem, mas evitar situações locais que possam envergonhar ou provocar a zanga das pessoas envolvidas nelas. As peças de teatro serão mais realistas se os participantes usarem disfarces e adereços simples para mostrar os papéis que estão a desempenhar.
  2. A group of people sit and discuss.
  3. Pedir a cada grupo para gastar 15 a 20 minutos a preparar um sociodrama de 5 minutos. Incentivar todos a desempenharem um papel. Cada grupo apresenta a sua peça aos outros participantes. Depois de cada sociodrama ter terminado, realizar uma discussão sobre os confl itos comunitários pode levar a encontrar soluções. Também pode esperar até todos os grupos terem apresentado a sua peça e discuti-las todas em conjunto.
  4. Como é que se sentiu? Depois de apresentar os sociodramas e antes da discussão, perguntar a cada participante como é que se sentiu ao desempenhar o seu papel. Perguntar às pessoas que observaram como é que se sentiram durante a apresentação de cada sociodrama e o que é que os actores os fi zeram sentir sobre o conflito.
    A woman speaks.
    Um(a) facilitador(a) deve conhecer os conflitos na comunidade e ser sensível às formas como os diferentes membros da comunidade podem reagir à discussão. Durante os sociodramas deve ter o cuidado de criar um ambiente seguro e aberto onde as pessoas não tenham medo de falar.

    Escolher algumas das histórias que se seguem para construir os sociodramas sobre os confl itos fl orestais. Ou criar sociodramas com base em confl itos reais existentes na sua comunidade.

    A woman speaks to a man who stands by a cow.

    Situação 1. Personagens: homem com gado; pessoas que apanham plantas medicinais; participantes de reunião comunitária.

    Depois de anos longe da comunidade, um homem regressa com 10 cabeças de gado e elas começam a pastar em terreno de fl oresta comunitária. Quando os outros membros da comunidade vão à fl oresta recolher medicamentos e capim, descobrem que o gado comeu tanto naquele lugar que restou muito pouco para eles. Convocam uma reunião para discutir o problema. O homem com o gado insiste que tem o direito de pôr o seu gado a pastar, independentemente do que o gado come. Os outros membros da comunidade discordam. O que é que acontece a seguir?

    Situação 2. Personagens: homens jovens a cortarem árvores; trabalhadores do governo; mulheres a apanharem lenha.

    A woman yells and gestures to another woman and a man.

    Vários homens jovens estão a cortar árvores em terrenos comunitários sem autorização e estão a vender a madeira aos trabalhadores governamentais locais, que levam a lenha num camião. Uma mulher vai ao local onde habitualmente apanha lenha e descobre os jovens a cortar as árvores. Um dos homens é o seu fi lho. Ela volta para a comunidade e conta às mães dos outros jovens. No dia seguinte, as mulheres vão à fl oresta para dizerem aos jovens que parem de deitar abaixo as árvores. O fi lho da primeira mulher diz que precisa do dinheiro da venda das árvores para comprar medicamentos para a sua fi lha bebé, a neta dela. O que é que acontece a seguir?

    Situação 3. Personagens: membros da comunidade com machados e bois; homens do governo com serras eléctricas e camiões; ofi ciais do conselho da aldeia.

    A big truck hauls lumber.

    Durante gerações, as pessoas cortaram árvores com machados e puxaram-nas para fora da fl oresta com bois. Agora, homens do governo local têm vindo com serras eléctricas, deitando abaixo árvores e dizendo que a fl oresta é propriedade do Estado. Um dia, os homens do governo aparecem com buldózers e equipamento pesado. Eles querem construir uma estrada na fl oresta para tirarem as árvores maiores. Um grupo de homens da comunidade entra na floresta para os confrontar. O que é que acontece a seguir?

    A woman speaks.
    Levar os actores a “saírem” dos seus papéis antes de começar a discussão impede que as pessoas ponham rótulos num dos participantes, considerandoo(a) como vilão ou vítima. É importante não confundir a pessoa com o papel que ele ou ela desempenha.
  5. Discutir cada sociodrama Pedir aos actores que coloquem os seus disfarces e adereços num monte na frente da sala e regressem ao grupo. Depois, colocar as questões que ajudem todo o grupo a:
    • Contar o que aconteceu no sociodrama;
    • Identificar as acções que levaram ao conflito;
    • Identificar as diferentes necessidades que foram as causas profundas do conflito;
    • Sugerir formas de resolver o conflito a longo prazo


    Repetir este processo com cada sociodrama. O(A) facilitador(a) pode querer escrever as ideias importantes numa folha de papel grande ou num quadro.



    A group of people sit and discuss.


    P: O que é que causou o conflito? R: Um homem queria ter gado, mas isso estragou a floresta.
    P: Porque é que o homem sentiu que tinha direito a pôr o seu gado a pastar na floresta? R: Não houve acordo sobre quem podia usar a floresta e para que fins.
    P: Como é que os danos à floresta afectaram a comunidade? R: Deixou de haver medicamentos e capim.
    P: Que necessidades estão em conflito? R: A necessidade de ter produtos da floresta e a necessidade de pôr o gado a pastar.
    P: Há alguma maneira de ambas as necessidades serem satisfeitas? R: O gado podia pastar em áreas sem plantas de que a comunidade precisa.
    R: O dono do gado podia construir uma vedação.
    R: O dono do gado podia desistir do seu direito de recolher produtos da floresta em troca do direito de pôr o seu gado a pastar e depois trocar por produtos da floresta quando precisasse deles.
    P: Resolver este conflito levará a uma maior ou menor igualdade dentro da comunidade?
    Se a discussão criar muitos desacordos, é importante terminar de maneira que todos estejam juntos. Cantar uma canção em conjunto ou fazer uma actividade de cooperação pode ajudar as pessoas a saírem do encontro com um sentimento melhor.



Esta página foi actualizada: 24 fev. 2024