Hesperian Health Guides

Sensibilizar a comunidade


A group of women gather to talk near some makeshift dwellings.

Uma mulher que carrega água por longas distâncias, todos os dias, não precisa que lhe digam que isso é um trabalho duro. Mas ela pode não sentir que tem poder para mudar essa situação.

Quando as pessoas veem a necessidade de um fornecimento de água segura e de confiança como um problema partilhado por todos, elas podem começar a trabalhar em conjunto para obterem mudanças. Muitas vezes o primeiro passo para fazer a mudança envolve um grupo de pessoas a sensibilizar a comunidade.

Falar com as pessoas responsáveis pela água

Há uma pessoa, grupo ou negócio responsável pelos poços, canalização ou outros sistemas de abastecimento de água? Há uma pessoa ou grupo responsável pelo saneamento? Que pessoas ou grupos vão buscar, carregam, tratam ou armazenam a água na maior parte das vezes?

Em conjunto com as pessoas responsáveis pela água, faça uma lista de todas as fontes de água na área. O que é que as pessoas dizem sobre a qualidade e quantidade da água de beber? Quanta água é usada todos os dias? As várias fontes de água são usados para beber, cozinhar, tomar banho, dar água ao gado, fazer agricultura e outras necessidades? Há água suficiente para todas estas necessidades? Há uma fonte de abastecimento ou armazenamento de água para emergências?

Visitar os lugares onde as pessoas vão buscar água

map of a village.

Diferentes tipos de fontes de água podem ter diferentes problemas e diferentes soluções. Visite nascentes, poços, fontes de água superficial (rios, ribeiros, lagos e lagoas) e locais de captação de água da chuva. Em cada fonte de água, comece uma discussão sobre como é que esta água é usada e se alguém suspeita que a água está contaminada (não é segura).

Fazer um mapa das fontes de água locais e fontes de contaminação

O seu mapa pode mostrar onde é que as fontes de água estão em relação às casas das pessoas e às fontes de contaminação. Use cores diferentes para mostrar as fontes de água seguras e as fontes contaminadas.

A sua água é segura?

É difícil saber se a água é segura ou não. Algumas coisas que causam problemas de saúde são facilmente observáveis olhando para a água, cheirando-a ou provando-a. Outras só se podem descobrir depois de testar a água. Compreender o que é que torna a água não segura e tomar medidas para proteger a água da contaminação previne muitos problemas de saúde (ver Chapter 5).

Água transparente pode não ser água limpa

Esta actividade mostra como pode haver alguma coisa prejudicial na água mesmo que não o consigamos ver, cheirar ou saborear

Tempo: 15 a 30 minutos

Materiais: 4 garrafas transparentes, lama, sal, açúcar, água tratada

  1. Antes de iniciar a actividade, encher 4 garrafas transparentes com água que foi fervida, tratada com cloro ou que teve algum outro tratamento que a tornou segura. Numa garrafa, acrescentar uma colher de lama. Noutra acrescentar uma colher de açúcar. Na terceira, acrescentar uma colher de sal. Agitar bem as garrafas. Não acrescentar nada na última garrafa. Trazer estas garrafas para o grupo.
  2. Pedir às pessoas do grupo que cheirem a água em todas as garrafas. Depois, convidá-las a beberem a água de qualquer garrafa. O mais provável é que ninguém beba a água com lama, mas muitas pessoas vão beber água das outras garrafas.
  3. A woman holding a cup licks her fingers.
  4. Depois de várias pessoas terem bebido a água, perguntar-lhes porque é que não beberam água da garrafa enlameada. Depois perguntar-lhes a que é que sabia a água que beberam e o que é que pensaram que estava lá dentro. Alguém bebeu a água a que não tinha sido acrescentado nada? Perguntar-lhes como é que sabiam que era apenas água e se não continha alguma coisa que eles não pudessem ver, cheirar ou saborear.
  5. Iniciar uma discussão sobre as coisas que podem estar na sua água que a tornam não segura para beber. Isto pode incluir micróbios que causam diarreia, larvas que provocam bilharziose, e pesticidas ou outros produtos químicos. Há razões para acreditar que estas coisas podem estar na sua água? Há outras formas, para além de olhar e cheirar, para saber se a água é segura ou não segura?

Testar a segurança da água

a water-testing kit.
Os testes de qualidade da água só mostram se a água foi contaminada no momento e no lugar onde a amostra de água foi colhida.

A testagem da qualidade da água é feita muitas vezes através do exame de amostras de água num laboratório. Estes testes mostram o tipo e quantidade de contaminação e são habitualmente necessários para descobrir contaminação química. Mas eles podem ser muito caros. Embora seja útil, testar a qualidade da água é habitualmente menos importante do que sensibilizar a comunidade para as questões da água e para a protecção cuidada das fontes de água.

Alguns kits de testagem de água podem ser usados localmente para ver se a água tem micróbios. Por exemplo, o “teste H2S” é barato (5 testes custam certa de 1 dólar) e dá resultados rápidos. Mas às vezes este teste confunde seres vivos inofensivos com micróbios e não mostra se a água tem produtos químicos ou ovos parasitas.



Esta página foi actualizada: 30 nov. 2022