Hesperian Health Guides

Alguns problemas comuns dos olhos

Cataratas

 olho com a pupila coberta de branco

O cristalino (lente) é uma parte clara dentro do olho que focaliza a luz de fora para que o olho possa ver. À medida que as pessoas envelhecem, o cristalino pode ficar turvo, bloqueando a luz de brilhar através dela e levando a uma perda gradual de visão e eventual cegueira. Essa nebulosidade às vezes pode ser vista como uma mancha cinzenta no olho, chamada catarata. A catarata é mais comum em pessoas idosas, mas pode ocorrer em bebés e crianças.

Para atrasar o desenvolvimento de cataratas:

  • Não fume.
  • Use chapéus para proteger os olhos da luz solar forte.


mulher falando
Nós dizemos: "Se houver cabelos grisalhos, verifique se há olhos cinzentos". Nós encorajamos as pessoas mais velhas com catarata a fazer a operação para trazer de volta a sua visão.

Os profissionais de saúde podem identificar pessoas com catarata e recomendar programas e hospitais que ofereçam operações para restaurar a visão. As mulheres são menos propensas que os homens a receber tratamento para a catarata. Visite mulheres mais velhas nas suas casas e pergunte sobre a sua visão. Verificar os idosos pode ajudá-los a serem tratados antes que a catarata bloqueie a sua visão. Mas mesmo que eles mal possam ver, nunca é tarde demais para ajudá-los.

Tratamento

Os medicamentos não ajudam a catarata a desaparecer. Uma operação remove a catarata (a lente turva) e coloca uma lente clara para que a pessoa possa ver novamente.

Após a operação, a pessoa precisará de colírios (gotas para os olhos) de antibióticos e anti-inflamatórios para ajudar a curar o olho, geralmente por cerca de 4 semanas. O olho pode ser um pouco desconfortável e a visão pode ser turva no início, mas isso deve melhorar um pouco a cada dia. Se a dor no olho surge nas primeiras duas semanas, este é um sinal de perigo. Procure ajuda de um oftalmologista dentro de 24 horas.

Óculos para ler podem ser necessários, após a operação, para ver de perto.

Glaucoma

Às vezes, a tensão aumenta dentro do olho e lesa o nervo dentro dele, causando uma doença grave chamada glaucoma. Uma pessoa com glaucoma perde a visão periférica e gradualmente pode ficar cega. O olho pode doer e ficar duro como mármore. O glaucoma pode ser causado por uma lesão, mas na maioria das vezes a causa é desconhecida.

Uma pessoa com glaucoma precisa de tratamento para diminuir a pressão. Este pode ser gotas dos olhos, diariamente para o resto da vida, ou, às vezes, tratamento com laser ou uma operação é efectuada para diminuir a pressão ocular.

O glaucoma afecta principalmente pessoas com mais de 40 anos, especialmente aquelas que tiveram um membro da família com esta doença. Ajude as pessoas com mais de 40 anos a serem observadas para identificar glaucoma a cada poucos anos.

Existem diferentes formas de glaucoma. Os mais comuns são glaucoma agudo e glaucoma crónico.

Glaucoma agudo (glaucoma de ângulo fechado)

Este piora rapidamente. Torna o olho vermelho e muito doloroso com perda de visão. A pessoa pode sentir náusea, dor de cabeça e o olho dói mais sob a luz forte. O olho pode parecer duro comparado ao outro normal. Se não for tratado, o glaucoma agudo causará cegueira dentro de alguns dias. Envie a pessoa para obter ajuda médica imediatamente. Eles primeiro precisarão de gotas que diminuam a pressão no olho. Então eles provavelmente precisarão de tratamento a laser ou de uma operação.

Glaucoma crónico (glaucoma de ângulo aberto)

No glaucoma crónico, a pressão em ambos os olhos aumenta lentamente ao longo de meses e anos. Não há dor. A visão periférica é perdida primeiro. À medida que o glaucoma piora, é como olhar através de um túnel. A pessoa muitas vezes não percebe até que a perda de visão seja grave. Os oftalmologistas podem testar a visão periférica e olhar dentro do olho para verificar este tipo de glaucoma. Quanto mais cedo for tratada, melhor. O tratamento com gotas, laser ou cirurgia pode impedir que a visão piore.

Crescimento carnoso no olho (pterígio)

olho com um crescimento carnudo saindo uma parte interna do olho, cobrindo uma parte branca do olho e a íris

Um espessamento carnudo na superfície do olho que cresce lentamente da parte branca do olho perto do nariz em direcção ao meio é chamado de pterígio. É comum e geralmente não é grave. As pessoas que passam muitos anos a trabalhar fora, sob a luz do sol forte ou onde há vento ou poeira, são mais propensas a tê-lo.

Usar óculos escuros e chapéus ajuda a proteger os olhos da luz solar, vento e poeira, o que previne ou retarda o crescimento.

Muitas vezes, estes não precisam de tratamento. Se estiver muito próximo da parte colorida do olho ou causar muito desconforto, o crescimento pode ser removido por um cirurgião ocular antes que ele comece a afectar a visão da pessoa.

 olho com sangue cobrindo a área inferior
Um pouco de sangue na parte branca geralmente é inofensivo.

Sangue na parte branca do olho

O sangue na parte branca do olho, ocasionalmente, aparece depois de levantar alguma coisa pesada, tossir forte ou uma pequena lesão no olho. Resulta do rompimento de um pequeno vaso sanguíneo. É inofensivo, como uma contusão, e desaparecerá lentamente sozinho dentro de duas semanas. Nenhum tratamento é necessário.

No entanto, se o sangue estiver na parte colorida do olho (a íris), isso é grave.

Olhos secos e pálpebras com crostas

Os olhos secos são causados por climas secos, envelhecimento, fumaça no ar e alguns medicamentos.

As pálpebras com crostas podem surgir quando a sujidade ou secreções impedem a humidade e as lágrimas, deixando os olhos secos e com comichão. A pessoa pode ter infecções nas pálpebras (veja abaixo) ou crostas ou flocos semelhantes à caspa ao longo da pálpebra. Quando as pálpebras e a face em redor dos olhos estão limpas, as lágrimas e a humidade natural dos olhos podem mantê-las saudáveis.

Tratamento

Para os olhos secos, descanse os olhos, fechando-os de vez em quando. Se os seus olhos ficarem secos, pode tentar humedecer com compressas mornas 1 a 2 vezes ao dia por 5 a 10 minutos, para aumentar a humidade natural dos olhos. As gotas lubrificantes também podem ajudar.

Para crostas nas pálpebras, use compressas mornas, 2 a 4 vezes por dia, seguido de uma lavagem suave das pálpebras. Se não melhorar, pode haver uma infecção bacteriana e você pode usar a pomada oftálmica de eritromicina, 2 vezes ao dia por 7 dias.

Caroços e inchaço nas pálpebras

Um caroço vermelho inchado na pálpebra geralmente é:

  • um terçolho (hordéolo), um nódulo doloroso causado por uma infecção em volta de uma pestana; ou
  • um chalázio, um nódulo que pode não doer, causado por obstrução no interior da pálpebra.


Às vezes, uma infecção que começa em torno de uma pestana pode espalhar-se para dentro da pálpebra.

Ambos podem ser tratados com compressas mornas, 4 vezes ao dia por 15 ou 20 minutos de cada vez. Reaqueça o pano várias vezes enquanto estiver usando para mantê-lo o mais quente possível sem queimar. Não aperte ou perfure o nódulo, pois isso agrava o problema.

Se o inchaço não diminuir em alguns dias, procure ajuda médica.

 olho com nódulo no meio da pálpebra inferior
 olho com nódulo na pálpebra superior
Um terçolho é uma infecção dolorosa em redor da pestana (cílio). Um nódulo por baixo da pálpebra que não doa pode ser um chalázio.

Flutuadores (ver pequenos pontos)

Às vezes, observam-se flutuadores ou pequenas manchas em movimento quando se olha para uma superfície brilhante (como uma parede ou o céu). As manchas movem-se quando os olhos se movem e parecem pequenas moscas. Essas manchas são comuns e geralmente inofensivas.

Se um grande número de pontos flutuantes aparecer subitamente e a visão começar a falhar num olho, ou se também continuar a ver flashes de luz, isso pode ser um sinal de uma condição chamada descolamento da retina. Uma cirurgia é necessária, o mais rápido possível, para recolocar a retina.

Deficiência de Vitamina A (cegueira nocturna, xeroftalmia)

NWTND eye Page 23-1.png

A falta da vitamina A é um tipo de malnutrição que pode danificar os olhos das crianças, causando cegueira. Isso é prevenível. Proteja os olhos das crianças pequenas, assegurando que elas consumam alimentos ricos em vitamina A, incluindo alimentos cor de laranja, como cenoura, manga e papaia, além de vegetais de folhas verdes, peixe e ovos. A amamentação ajuda a proteger os olhos de um bebé da falta da vitamina A, além de proporcionar muitos outros benefícios para a saúde do bebé. Onde este tipo de malnutrição é comum, às vezes, todas as crianças recebem um suplemento da vitamina A a cada 6 meses.

Sinais

Primeiro, os olhos ficam secos e produzem menos lágrimas. Depois, há mais dificuldade em ver com pouca luz. A parte branca do olho perde o brilho e começa a enrugar-se. Eventualmente, os olhos ficam mais danificados e a criança pode ficar cega.

Tratamento

Se uma criança não consegue ver bem à noite ou se a criança tiver sarampo, trate a criança com vitamina A.

Olhos tortos, estrabismo

Se um ou ambos os olhos de um bebé ou uma criança não olharem directamente, essa condição pode levar a uma perda de visão no olho torto. Leve a criança a um oftalmologista. Não é uma emergência, mas a criança deve ir o mais cedo possível para ter melhor oportunidade de corrigir a sua visão.

Tratamento

O oftalmologista pode tapar o olho bom para fazer o olho torto funcionar melhor ou prescrever óculos especiais para ajudar. Uma operação geralmente pode endireitar o olho, mas, muitas vezes não é necessária.

NWTND eye Page 24-1.png
Às vezes, tapar o olho bom ajudará o olho torto a ficar direito e ver melhor. Algumas crianças precisam de fechar o olho, algumas horas por dia, e outras precisarão de fechá-lo o dia todo.

Gravidez e visão

As mudanças nas hormonas podem fazer com que a visão da mulher mude durante a gravidez, mas geralmente depois que o bebé nasce, a sua visão volta a ser como era. As mulheres grávidas que, subitamente, têm a visão desfocada, vêem pontos, perdem a visão num olho ou têm visão dupla, podem estar com sinais de perigo de uma doença grave chamada pré-eclâmpsia. A pré-eclâmpsia também provoca dor de cabeça e tensão alta (140/90 ou superior). Procure ajuda imediatamente.

Ajude as mulheres grávidas a fazer o teste de gonorreia e clamídia e a receber tratamento, se necessário. As mulheres podem ter uma dessas doenças que são passadas durante o sexo e não saberem. Se esses germes se passarem para os olhos do bebé, durante o parto, este pode perder a visão.

Proteja as mulheres grávidas contra a rubéola e o Zika, doenças que podem causar sérios problemas oculares em bebés. A rubéola (sarampo alemão) é prevenida por uma vacina. Para obter mais informações sobre o Zika e como evitá-lo, consulte ]]New_Where_There_Is_No_Doctor:Capítulo_22:_Malária,_dengue_e_outras_doenças_transmitidas_por_mosquitos]].



Esta página foi actualizada: 11 mai. 2021