Hesperian Health Guides

Doenças que podem afectar os olhos

Algumas infecções ou doenças que afectam todo o corpo podem prejudicar os olhos. Quando alguém tem problemas oculares, é sensato considerar se a causa pode ser outra doença.

A tuberculose pode infectar os olhos e causar vermelhidão ou visão deficiente. Na maioria das vezes, os sinais de tuberculose aparecerão primeiro nos pulmões ou noutras partes do corpo.

HIV e SIDA: Os problemas dos olhos e perda de visão em pessoas com HIV são prevenidos pelo tratamento com medicamentos contra o HIV, chamado TARV. Faça o teste para que possa começar o tratamento se precisar.

O herpes (herpes labial), ocasionalmente, espalha-se para o olho, causando uma úlcera na córnea, com dor, visão turva e olhos lacrimejantes. Os medicamentos antivirais são úteis. Não use corticoesteróides em gotas – elas agravam o problema.

Problemas no fígado: icterícia, quando a parte branca do olho é amarela (ou a pele de uma pessoa de cor clara fica amarela), pode ser um sinal de hepatite ou malária.

Diabetes e hipertensão arterial

As pessoas com diabetes podem desenvolver problemas de visão. À medida que a doença avança, a diabetes pode danificar os olhos (uma doença grave chamada retinopatia diabética). Sem tratamento, a diabetes pode levar à cegueira. A visão turva pode ser um sinal precoce de que o nível de açúcar no sangue é alto e que uma pessoa pode ter diabetes. Se alguém com visão turva também está com muita sede e urina muito, é provável que tenha diabetes. Podem ser feitos testes para se ter a certeza.

Ajude as pessoas com diabetes a obter tratamento para reduzir os níveis de açúcar no sangue e encoraje-os a visitar um oftalmologista, uma vez por ano, para verificar se os olhos sofrem danos causados pela diabetes. A doença ocular causada pela diabetes pode ser tratada se for diagnosticada precocemente.

A hipertensão arterial pode afectar os olhos e a visão, danificando os vasos sanguíneos no interior do olho. Medir a tensão arterial durante as visitas de cuidados de saúde é a melhor maneira de saber se está muito alta. Prevenir e tratar a hipertensão ajudará a proteger os olhos.

Cegueira dos rios (oncocercose)

A mosca preta tem uma corcunda de volta assim mas na verdade é muito menor, como esta.
NWTND eye Page 26-1.png
a corcunda de uma mosca muito pequena

Esta doença dos olhos e da pele está a tornar-se menos comum. Ainda é encontrada em partes da África, Iémen e algumas comunidades na região amazónica da América do Sul. A cegueira dos rios é causada por pequenos vermes que são transportados por moscas pretas. Os vermes entram na pessoa quando uma mosca infectada a pica.

Sinais
  • Comichão na pele e erupção cutânea.
  • Pode sentir sob a pele nódulos de 2 a 3 cm de volume.


Sem tratamento, a pele torna-se gradualmente enrugada e flácida. Na frente da parte inferior das pernas podem aparecer manchas brancas.

A doença pode levar a problemas oculares e, às vezes, cegueira. Primeiro, pode surgir a vermelhidão e olhos lacrimejantes, depois podem aparecer sinais de irite.

Tratamento

O medicamento ivermectina trata a cegueira dos rios. Nos locais onde a ivermectina é administrada, a cada 6 meses ou uma vez por ano, como parte de campanhas amplas em toda a comunidade, menos pessoas contraem a doença e esta pode desaparecer da região.

Prevenção
  • Essas moscas pretas reproduzem-se em águas de alta velocidade. Limpando com escovas as bordas do córrego e as margens do rio ajuda a reduzir o seu número.
  • Evite dormir fora, especialmente durante o dia, quando as moscas picam mais.
  • Coopere com os programas que trabalham para diminuir o número de moscas pretas e com os profissionais de saúde que dão ivermectina a toda a comunidade para prevenir novos casos.


O tratamento precoce previne a cegueira e reduz a transmissão da doença.



Esta página foi actualizada: 11 mai. 2021