Hesperian Health Guides

Nas semanas depois do parto

Nas semanas após o nascimento, certifique-se que a mãe está saudável, descansa, come bem, e que alguém a está ajudando quando ela precisa. Veja também os Recém-nascidos e aleitamento materno.

Sangramento

O sangramento normalmente continua por algumas semanas. Na primeira, é uma quantidade similar a um período menstrual abundante e depois diminui, torn-se mais aquoso, e pára após 2 ou 3 semanas. Se um penso higiénico ou uma toalha ou um pano se enche com sangue em 1 hora ou menos é excessivo.

Se o sangramento aumenta nos dias a seguir ao parto, isso pode significar que a mãe precisa de ajuda com as tarefas domésticas e cuidados com os seus outros filhos para que possa descansar mais. As vezes o sangramento é causado por alguma coisa que foi deixada dentro do útero, e, por vezes, é causada por uma infecção.

NWTND pab Page 32-1.png

Para ajudar a parar a hemorragia, primeiro ajude a mãe amamentar. Isso faz com que o útero se contraia. Lembre-a também de urinar frequentemente. Mostre a mãe como massagear seu útero para torná-lo firme. Se nada disso funcionar, dê oxitocina ou misoprostol e procure sinais de infecção.

Infecção

A temperatura da mulher muitas vezes costuma subir cerca de 3 dias após o nascimento, quando o leite começa a sair. Febre persistente ou temperatura de 38 ° C ou superior é um sinal de infecção.

NWTND pab Page 32-2.png

É normal que a secreção (corrimento) vaginal tenha um cheiro forte nos dias que se seguem ao parto. Mas, um cheiro desagradável ou a peixe é um sinal de infecção no útero. Outros sinais incluem calafrios, pulso rápido, ou dor ou sensibilidade ao redor do útero.

Trate qualquer sinal de infecção no útero com ampicilina, gentamicina, e metronidazole. Se possível, utilize antibióticos injectáveis, pelo menos durante os primeiros 2 dias. Se não tem antibióticos, ou se a mulher não começar a melhorar em 24 horas, procure ajuda.


Esta página foi actualizada: 29 out. 2020