Hesperian Health Guides

Como manter-se saudável durante a gravidez

A mãe e o seu bebé manter-se-ão saudáveis se a mãe:

  • come alimentos nutritivos em quantidades adequadas
  • descansa bastante todos os dias
  • evita contacto com substâncias químicas, álcool, fumo e a maioria dos medicamentos
  • é cuidada por uma parteira ou outro professional de saúde que poderá tratar ou procurar ajuda para tratar qualquer problema de saúde que possa surgir
  • tem amor e carinho

Comer alimentos nutritivos em quantidades adequadas

Uma combinação de alimentos nutritivos manterá a mulher forte e saudável, dando-lhe energia para o parto e para cuidar do bebé. Se uma mulher grávida não come o suficiente, quer seja porque quer guardar a comida para outros familiares, ou porque a sogra ou uma amiga bem intencionada a aconselhou a evitar certos alimentos ou lhe diz que uma barriga pequena tornará mais fácil o parto. Lembre-se que uma mulher grávida deve comer o suficiente por ela e pelo bebé, assim ela necessita de mais alimentos que os outros adultos, não menos. A mulher grávida como todas as pessoas, necessitam comer uma variedade de proteínas, carbohidratos, legumes e frutas. Elas devem comer refeições ligeiras, muitas vezes ao longo do dia. Para conselhos sobre como alimentar-se bem, veja Alimentar-se bem para boa saúde.

NWTND pab Page 2-1.png

Uma variedade de alimentos manterá a mãe e o bebé saudáveis


Prevenir a anemia

A anemia (falta de ferro no sangue) é comum durante a gravidez. Ela leva a sensação de cansaço. Anemia é especialmente perigosa para a mulher grávida por causa do sangue perdido durante o parto, que pode provocar uma anemia tão grave que a mulher pode morrer. Previne-se anemia comendo alimentos ricos em ferro e proteínas e tomando comprimidos de ferro. Veja aqui para mais informações sobre ferro e suplementos de ferro.

Malaria e a ancilostomíase podem causar anemia e devem ser tratadas imediatamente.

foods including molasses, liver, fish, eggs, and greens.
Mulheres grávidas necessitam alimentos ricos em ferro.

Ácido Fólico

A falta de ácido fólico (folato) pode causar malformações no bebé. Procure um suplemento de ferro que contenha ácido fólico, ou tome um suplemento adicional de ácido fólico. Leia mais sobre o ácido fólico aqui.

Vitamina A

fruits and vegetables including carrots and tomatoes Vegetais verdes, alaranjados e as frutas contém vitamina A, um nutriente necessáo para manter os olhos saudáveis. Uma mulher grávida necessita de uma quantidade extra de vegetais verdes, alaranjados e frutas porque a vitamina A que ela come é absorvida primeiro para satisfazer as necessidades do bebé. A falta de vitamina A pode provocar cegueira nocturna ou cegueira em geral.

O repouso

Incentive a família e os vizinhos a compartilhar o trabalho e as responsabilidades da mulher grávida. Recorde-a, especialmente a medida que vai avançando a gravidez, para descansar e pôr os pés para cima várias vezes ao dia ou a deitar-se a tarde. Um bebé em crescimento é trabalho para o corpo e este necessita de repouso.

Evite substâncias nocivas

Tabaco

a man speaking to another who is about to light a cigarette.

Não fumes dentro de casa, homem! Minha irmã está grávida!

O tabaco e os cigarros causam danos aos pulmões da mãe e podem causar cancro e morte. O tabaco pode fazer com que o bebé nasça mais cedo, pequeno ou que nasça morto (nado morto). Mães e bebês podem ser prejudicados por outras pessoas que fumem perto deles. Recorde a família e aos outros para não fumarem no quarto ou carro em que estejam crianças ou uma mulher grávida.

Álcool e drogas

Quando uma mulher grávida bebe álcool, este passa para o seu bebé e pode causar dano permanente ao cérebro e corpo do bebé. Quanto mais álcool ela bebe, mais dano é causado. Da mesma forma, a cocaína, a metanfetamina, heroína e outras drogas são prejudiciais para a mulher grávida e seus bebés. Veja As Drogas, álcool e tabaco (em desenvolvimento) para ajuda com álcool e drogas.

Medicamentos

A maioria dos medicamentos, quando tomados por uma mulher grávida, passam para o seu bebê. Porque os bebês são muito pequenos e ainda estão em desenvolvimento, os medicamentos que são seguros para um adulto podem causar defeitos ao nascer ou outros danos ao bebê. Assim, as mulheres grávidas devem evitar a maioria dos medicamentos. Repouso e fluidos - não medicamentos - são o melhor tratamento para problemas menores, como dores de cabeça, dores do estômago, e resfriados.

bottles of liquid and pills.
A menos que tenha certeza que são necessários, é melhor evitar medicamentos durante a gravidez.

Algumas doenças são muito prejudiciais para deixar sem tratamento durante a gravidez. A doença pode também ser perigosa para o bebê. Doenças em mulheres grávidas que devem sempre ser tratadas com medicamentos incluem:

  • malária.
  • HIV ou SIDA. Veja HIV e SIDA (em desenvolvimento).
  • infecções do trato urinário. Ver Dificuldades ao urinar (em desenvolvimento).
  • infecções de transmissão sexual, como clamídia, gonorréia e sífilis. Ver Infecções e problemas genitais (em desenvolvimento).

Para saber se um determinado medicamento é seguro na gravidez e durante a amamentação, pergunte a um profissional de saúde experiente, veja as páginas sobre medicamentos no final deste capítulo, ou veja em outros livros sobre medicamentos. Se um medicamento que é necessário não é seguro, existe normalmente outro medicamento que pode ser utilizado em vez desse.

Plantas e medicamentos tradicionais também podem fazer mais mal do que bem. Medicamentos, testes laboratoriais e tratamentos (em desenvolvimento) sugere maneiras para decidir quando considerar o uso de medicamentos tradicionais.

Evite pessoas doentes

a girl with a rash on her face and body.

Estar doente durante a gravidez é difícil. Além de tornar difícil a alimentação, e não comer o suficiente, drena a energia da mulher. Evite pessoas doentes para evitar ficar doente.

A rubéola é uma doença que normalmente não é um problema sério, mas quando atinge uma mulher grávida pode causar deformidades e incapacidades no bebê dentro do útero. Para proteger o bebê, uma mulher grávida deve evitar as pessoas com erupções, especialmente as crianças, que muitas vezes apanham essas infecções. Mesmo as crianças doentes da própria mulher grávida devem ser tratadas por outros membros da família ou amigos. A melhor proteção para todas as mulheres é que toda a comunidade participe num programa de vacinação.

Cuidados de uma parteira ou outro profissional de saúde

Uma parteira experiente ou outro profissional de saúde pode aconselhar a mulher grávida em como permanecer saudável e segura, tratr problemas comuns e desconfortos, e reconhecer quando uma mulher grávida precisa de ajuda num hospital ou centro de saúde. Todas as mulheres devem receber cuidados de um profissional de saúde compassivo, experiente durante a gravidez, o parto e nas semanas que se seguem.

Vacinas

Uma mulher grávida deve ser vacinada contra o tétano o mais cedo possível na gravidez. Ela deve fazer um segundo reforço quatro semanas mais tarde, se ela não tiver as vacinas actualizadas. Isso protege a mulher e o seu bebê. Para mais detalhes, consulte As vacinas previnem doenças.

Os testes laboratoriais

Testes simples podem diagnosticar muitas doenças que são mais prejudiciais para as mulheres grávidas e seus bebês. Estes testes alertam a mãe e o profissional de saúde para iniciar o tratamento imediatamente, o que pode evitar sérios problemas durante ou após o nascimento. É importante testar para:

  • anemia (com o teste de hemoglobina ou hematócrito)
  • sífilis
  • malária (usar testes rápidos onde a malária é comum)

O teste de HIV deve estar disponível para todas as mulheres grávidas. Quando uma mulher descobre que tem HIV, ela pode tomar medicamentos que podem mantê-la saudável e proteger seu bebê do vírus. O capítulo HIV e SIDA (em desenvolvimento) inclui informações sobre testes e os medicamentos que as mulheres grávidas com HIV deve tomar.

NWTND pab Page 6-1.png

Existem novos testes que não requerem um laboratório e são facilmente feitos, raspando o interior da boca ou vagina, ou com uma pequena quantidade de sangue de uma picada do dedo. Pergunte no centro de saúde local, se estes testes são fornecidos pelo governo, ou se há uma organização local que os oferece.


Esta página foi actualizada: 28 jul. 2021