Hesperian Health Guides

Fractura dos ossos, luxações, e entorses

Primeiro, decida se o osso está partido ou deslocado (fora da articulação) ou se os músculos estão distendidos. Pode ser muito difícil diferenciar esses ferimentos, e pode ser necessário um raio X para ter certeza. Se você não souber se está partido, deslocado ou torcido, mantenha a parte do corpo imobilizada e peça ajuda. Também é possível ter uma combinação dessas lesões/ferimentos.

Dê paracetamol (acetaminofeno) ou ibuprofeno para ajudar com a dor.

um braço partido
Partido

Deformidade no meio de um osso ou dor num ponto específico do osso, e pouca ou nenhuma dor quando está imóvel. Às vezes, um osso pode estar partido mesmo sem estar deformado. Um raio-x pode mostrar com certeza se há uma fractura.
um cotovelo deslocado
Deslocado

Articulação deformada ou incapaz de mover a articulação.
um pulso inchado.
Entorse ou distensão

Inchaço e dor à volta da articulação.

Fracturas de Ossos

Mantenha o osso fracturado imobilizado até que alguém com experiência em alinhar fracturas possa tratá-lo e colocar um gesso. Para ajudar a mantê-lo imobilizado, faça uma tala com um pedaço de papelão dobrado, uma tábua de madeira, a parte rígida duma folha de palmeira, ou qualquer outra coisa recta e dura.

Faça uma tala

Passo 1:
Posicione o braço na sua posição natural, de repouso. O cotovelo deve estar dobrado.
NWTND fa Page 29-1.png
Passo 2:
Enrole uma camada de ligadura, gaze ou pano fino ou use a manga duma camisa.
NWTND fa Page 29-2.png
Passo 3: Assente o braço na tala. Coloque um rolo de pano agarrado pela mão. Para as pernas, coloque a tala ao longo da parte lateral.
NWTND fa Page 29-3.png
Passo 4: Enrole uma ligadura ou tira de pano em volta da tala, para a manter imobilizada.
NWTND fa Page 29-4.png


Deixe os dedos das mãos e dos pés descobertos e verifique frequentemente se eles não estão frios e se mantêm a sensibilidade.

NWTND fa Page 29-5.png
Na fractura do osso da coxa, coloque uma tala desde o quadril até ao tornozelo
NWTND fa Page 29-6.png
Imobilize o dedo, amarrando-o ao dedo que está ao seu lado. Entre eles, coloque um pedaço de compressa para almofadar.

Faça uma faixa

Você pode usar uma faixa para proteger e apoiar um braço ou ombro traumatizado.

Dobre um quadrado de pano em triângulo; ponha o braço apoiado na dobra.
Apoiar o
cotovelo.
Amarre-o atrás
do pescoço.

Reduzir uma fractura

Espere até que o inchaço desapareça, antes de reduzir uma fractura.

Recolocar um osso que está fora da sua posição natural, vai ajudar a curar. Mas se você não sabe como reduzir uma fractura correctamente, pode causar danos ao fazê-lo de forma errada. Se possível, a fractura deve ser reduzida por alguém com experiência. Em muitas comunidades há pessoas com experiência em reduzir fracturas, ou trabalhadores comunitários de saúde que sabem como fazê-lo.

Passo 1:
Primeiro dê medicamentos para a dor. Você também pode dar um medicamento para a ansiedade como lorazepam ou diazepam para ajudar a pessoa a ficar calma.

Passo 2:
Peça a um ajudante para segurar a parte imobilizada junto ao corpo, ou amarre-a a algo que não se moverá.

ilustração abaixo: Puxando o antebraço partido

Passo 3:
Puxe lentamente a parte mais distante, com força constante e firme. Não dê um puxão, mas puxe com força suficiente para separar os ossos.

illustration of the below: setting the bones.

Passo 4:
Quando os fragmentos do osso estiverem separados, alinhe suavemente os dois bordos e deixe que se juntem novamente.

Não tente reduzir uma fractura se ela parece atingir a articulação, ou se parece haver mais do que uma fractura, deixando um pedaço "flutuante" do osso no meio. Não empurre ou force os ossos para os recolocar no lugar. Isso pode causar danos permanentes. Procure ajuda.

Fazer um gesso

Podem fazer-se aparelhos de gesso a partir de uma mistura de pedaços de pano com uma pasta ou gesso, que fica dura depois de secar.

No México, usam-se várias plantas diferentes, como tepeguaje (uma árvore da família do feijão) e solda con solda (uma trepadeira enorme) para fazer gessos. Na Índia, pessoas da comunidade com experiência em reduzir fracturas fazem gessos utilizando uma mistura de clara de ovo e ervas. Os métodos são semelhantes. Pode ser utilizada qualquer planta, se puder fazer uma pasta a partir dela, desde que fique dura e firme depois de secar e não irrite a pele. Normalmente, a planta é fervida em água até se formar uma pasta espessa. Ou use gesso comercial misturado com água.

Aguarde até que o inchaço diminua, antes de aplicar o gesso. Isto pode demorar até uma semana. Nesse meio tempo, suporte o membro com uma tala e uma faixa.

Passo 1:
Certifique-se de que os ossos estão alinhados. Compare o lado lesionado com o outro lado, para se certificar que ambos têm a mesma aparência.

Passo 2:
Coloque o membro na posição indicada nas figuras:

Cotovelo dobrado, polegar para cima, e os dedos ligeiramente encurvados — como se estivesse segurando um copo.
NWTND fa Page 31-1.png
Joelho ligeiramente dobrado. Tornozelo posicionado como se a pessoa estivesse em pé.
NWTND fa Page 31-2.png

Passo 3:
Enrole uma camada de pano fino ou algumas camadas de gaze à volta da área a ser engessada, sem apertar. O gesso deve incluir a articulação acima e abaixo da fractura.

Passo 4:
Em seguida, enrole em algodão macio ou sumaúma. Faça uma cobertura extra para almofadar as partes ósseas, mas não excessiva, especialmente em torno da fractura.

Passo 5:
Mergulhe tiras de flanela, lençóis limpos, ou ligaduras na mistura de pasta ou gesso.

NWTND fa Page 31-3.png

Passo 6:
Aplique as ligaduras de gesso em torno da área, em camadas. Deixe os dedos das mãos e dos pés descobertos. Mantenha o gesso justo, mas não apertado.

NWTND fa Page 31-4.png
dobrar a camada interna sobre o gesso.

Passo 7:
Uniformizar a camada interna sobre os bordos do gesso, assim:

Depois de colocado o gesso, deixe o membro em repouso e mantenha-o elevado quando possível. Use muletas para evitar fazer peso sobre a perna partida.

Se, a qualquer momento após aplicar o gesso, os dedos das mãos ou dos pés começarem a inchar, ficarem mais dolorosos, ficarem vermelhos, pálidos, ou azulados, ou perderem a sensibilidade, remova imediatamente o gesso. Se não cortar um gesso que está muito apertado, a pessoa pode perder o membro.

Quanto tempo leva um osso partido a curar? Uma criança pequena cura em algumas semanas. Os ossos de uma pessoa idosa levam meses e podem nunca curar de forma apropriada. Mantenha o gesso no braço por um mês, pelo menos. Gessos da perna devem permanecer por cerca de 2 meses.

Para remover o gesso, mergulhe-o em água e corte-o cuidadosamente. Depois de remover o gesso, seja cuidadoso com o membro fracturado durante o mesmo período de tempo em que o gesso esteve colocado. Comece lentamente as actividades normais, tais como fazer peso sobre a perna.

Osso partido que sai através da pele (fractura exposta)


NWTND fa Page 32-1.png

As fracturas expostas infectam com muita facilidade. Limpar muito bem a ferida com muita água corrente por 5 minutos ou mais. Coloque uma tala no membro, dê ceftriaxona, cloxacilina, clindamicina, OU cefalexina e procure ajuda.

Se não for possível obter ajuda rapidamente, limpe a ferida muito bem e cubra-a levemente com compressa esterilizada. Mude a compressa com frequência. Se não houver sinais de infecção durante 3 dias, recoloque o osso na sua posição, feche a ferida, e faça um gesso.

Luxações (osso deslocado da articulação)

NWTND fa Page 32-2.png

Re-coloque na sua posição o mais rapidamente possível, um osso que se tenha deslocado da articulação. Quanto mais tempo esperar, mais difícil e doloroso será corrigir.

O método usual é puxar o osso suave e lentamente, afastando-o da articulação, e depois deixá-lo encaixar-se de volta na posição correcta. Dê um medicamento para a ansiedade, tal como diazepam, e um medicamento para a dor, tal como o ibuprofeno meia hora antes de tentar recolocar o osso deslocado. Se não conseguir recolocar o osso de volta na articulação, procure ajuda.

Depois de realinhar uma articulação deslocada, mantenha-a imobilizada durante 2 ou 3 semanas com um suporte ou faixa. Use um medicamento para a dor como o ibuprofeno, se for necessário. Assim que a dor diminuir o suficiente para permitir o movimento, retire a imobilização por umas horas e faça flexões ou rotações suavemente. Para o ombro, deixe o braço pendente para baixo e movimente-o para a frente e para trás, e em pequenos círculos. Seja delicado com a articulação nos 2 ou 3 meses seguintes. As luxações levam muito tempo para curar.

Se a dor é intensa depois de recolocar uma articulação deslocada, pode ser que haja um osso partido.


Ombro deslocado

Puxe a parte inferior do braço para baixo, com força e firmemente. Ou faça a pessoa segurar um balde com 5 ou 7 litros de água durante 15 a 20 minutos. Isso vai puxar o braço para baixo e o ombro deve voltar ao lugar.

ilustração acima: um homem deitado numa mesa enquanto outro homem puxa o seu braço para baixo.
ilustração abaixo: empurrar a escápula
Se o ombro não voltar ao lugar, empurre suavemente a ponta da escápula com os seus dedos O braço deve fazer um barulho de encaixe ao voltar ao lugar.
OU

Rode lentamente o braço em direcção a si, assim. É melhor ter um ajudante para imobilizar o corpo da pessoa, de modo a que apenas o braço se movimente.
alt=um homem deitado de costas, enquanto outro homem roda o seu braço.
uma faixa para o braço que mantém o ombro no lugar.

Depois, imobilize o braço com a faixa, assim, para evitar que o osso escape novamente para fora da articulação.


Cotovelo deslocado


Passo 1:
Deite a pessoa, em seguida coloque o antebraço em linha recta com o braço para alinhar os ossos.

NWTND fa Page 34-1.png


Passo 2:

Um ajudante deve segurar com firmeza o braço. Puxe o braço em direcção a si, e dobre suavemente o cotovelo.
NWTND fa Page 34-2.png


Passo 3:

Agora empurre para baixo a parte superior do braço enquanto dobra o cotovelo para o lugar. Você deve sentir um som de encaixe. Coloque uma tala no cotovelo para evitar que o osso escape novamente para fora da articulação.

ilustração acima: um braço com tala, do pulso até um pouco acima do cotovelo
IMPORTANTE! Se houver muita resistência, pare! Você pode partir o osso. Coloque uma tala como esta no cotovelo e procure ajuda médica.

Dedo deslocado

Puxe firmemente o dedo deslocado em direcção distal, e em seguida, empurre a base do osso para o recolocar na sua posição normal..

NWTND fa Page 34-4.png
Imobilize o dedo deslocado ligando-o ao dedo ao lado.

Entorses e distensões

NWTND fa Page 35-1.png
Sinais
  • Inchaço
  • Dor
  • Contusões ou vermelhidão
Tratamento
  • Repouso: não faça peso sobre a parte lesada. Use uma tala ou muletas durante 3 ou 4 semanas.
  • Gelo: durante cerca de 30 minutos a cada 2 a 4 horas. Menos frequentemente depois de alguns dias.
  • Compressão: envolva firmemente com uma ligadura.
  • Elevação: elevar sobre uma almofada ou cobertor dobrado, todo o tempo no início, e depois de alguns dias, algumas horas por dia.


Estas medidas irão diminuir a dor e o inchaço. Se for feito imediatamente e de forma regular, elas vão ajudar a parte lesada a curar mais rapidamente e com menos problemas duradouros.

Não faça pressão e peso sobre a lesão. Normalmente, entorses e distensões levam 1 a 2 semanas para curar.

Como enrolar uma ligadura

enrolando uma ligadura em torno do pé e do tornozelo de uma pessoa.
Comece perto dos dedos dos pés ou mãos.
Enrole com firmeza, mas não muito apertado. Os dedos dos pés ou mãos devem estar quentes ao toque e sem sensações anormais.


Esta página foi actualizada: 24 jan. 2020