Hesperian Health Guides

Tétano

O tétano é uma infecção mortal que entra numa ferida ou no cordão umbilical, e depois se espalha por todo o corpo.

uma pessoa deitada com as costas arqueadas para trás e os punhos cerrados
Os sinais de tétano podem começar um dia ou semanas após um ferimento
Sinais
  • Transpiração.
  • Pulso rápido.
  • Contrações tensas de todos os músculos
  • Durante as contrações, a respiração pode parar.
  • Espasmos musculares intensos que vêm e vão.
  • Trismo (não consegue abrir a boca facilmente).
  • Pescoço rígido, e a barriga dura como uma tábua.


Procure ajuda médica imediata se surgirem estes sinais!

Prevenção

O tétano é muito mais fácil de prevenir do que tratar. A vacinação e uma boa limpeza das feridas são a melhor forma de prevenção. Para o calendário de vacinações, ver Vacinas (em desenvolvimento).

Feridas com maior probabilidade de desenvolver tétano

  • Feridas punctiformes ou picadas (agulha ou prego).
  • Feridas por balas.
  • Ossos fracturados, quando as pontas dos ossos partidos saem através da pele (fracturas expostas).
uma perna com uma fractura exposta.
  • Queimaduras graves ou feridas por frio.
  • Abortos e injecções inseguras ou piercings com agulhas reutilizadas, não esterilizadas, também podem levar ao tétano.


um pé pisando um prego que sai através de uma tábua.
uma mulher jovem injectando-se com uma agulha, enquanto um jovem fala.
A
próxima é a minha vez.
arame farpado
uma agulha perfurando o lóbulo da orelha.


Limpe bem estas feridas e dê imunoglobulina antitetânica se as vacinas contra o tétano não estiverem actualizadas.
Dê também metronidazol.

Tétano no recém-nascido

Os recém-nascidos apanham o tétano através do cordão umbilical. Você pode proteger crianças ao cortar o cordão umbilical com uma lâmina fervida, mantendo o cordão umbilical limpo, e através da vacinação da mulher grávida. Ver Vacinas (em desenvolvimento).


Esta página foi actualizada: 05 ago. 2020