Hesperian Health Guides

Barreiras de contorno


Contoured hills.

Se você pudesse fazer um caminho ao longo de uma encosta que o deixasse ir de uma ponta à outra, sempre ao mesmo nível, estaria a seguir a linha de contorno da encosta. As barreiras construídas para seguir os contornos, como por exemplo paredes, montículos, linhas de capim ou silvado, ou valas, previnem o solo de ser levado pelo vento e pela chuva. Eles também ajudam a atrasar o movimento da água encosta abaixo, espalham a água por cima do solo e infiltram-na no solo. Lavrar ao longo dos contornos, em vez de lavrar para cima e para baixo da encosta, atrasa o escoamento da superfície e orienta a água em direcção às suas culturas. Uma ferramenta chamada ‘estrutura em forma de A’ pode ajudá-lo a descobrir as linhas de contorno do seu terreno, para que você possa construir barreiras de contorno.

Como fazer uma estrutura em forma de A

Um nível em forma de A é uma ferramenta que pode ajudar a descobrir os contornos. Usar estes materiais:

  • 2 Paus fortes, com cerca de 2 metros de comprimento cada e 2 cm de espessura, para formar as pernas e 1 pau com cerca de 1 metro de comprimento para formar a barra horizontal.
  • 3 Pregos, sufi cientemente compridos para atravessar os 2 paus e deixar um pouco do prego a sair do pau.
  • 1 Garrafa com uma tampa de rosca ou uma rolha, ou uma pedra para usar como peso (cerca de ½ quilo).
  • 1 Fio com 2 metros de comprimento e com um nó numa das pontas.
  • 1 Lápis ou caneta, um martelo ou pedra, uma catana ou serrote, e uma fi ta métrica.

A man nailing the legs of an A-frame level.
  1. Juntar as duas pernas para formar um triângulo com cerca de 2 metros entre os dois pés. Caso se use um prego para as fi xar, deixar a cabeça do prego um pouco de fora, pois vai ser preciso usá-la mais tarde.
  2. Ligar a barra horizontal às pernas.
  3. 2 men fastening a weight to an A-frame level.

  4. Ligar o peso (garrafa ou pedra) ao fi o. Atar a outra ponta do fi o à cabeça do prego, para que o peso fi que pendurado a cerca de 2 cm abaixo da barra horizontal. Se a garrafa for de plástico, enchê-la com água, areia ou solo e tapar com a tampa ou rolha. O fi o com um peso na ponta chama-se ʻfi o-de-prumoʼ.


Como preparar uma estrutura em forma de A para marcar o seu centro

  1. Pôr a estrutura em forma de A num pedaço de terra quase direito. Marcar o lugar onde cada uma das pernas assenta. Garantir que o fi o-de-prumo se pode mexer livremente e depois mantê-lo parado. Assim que o fi o deixar de se mexer, fazer uma marca no local onde o fi o toca na barra horizontal.
  2. Virar a estrutura em A de modo a que a primeira perna fi que no lugar onde a segunda perna estava e a segunda perna fi que no lugar onde a primeira perna estava. Marcar o lugar onde o fi o passa pela barra horizontal. Agora você vai ter duas marcas na barra horizontal.
  3. Esticar um fi o entre as duas marcas e dobrar o fi o em dois para encontrar o meio. Fazer uma terceira marca nesse lugar.
  4. Colocar a estrutura em A num lugar direito onde o fi o-de-prumo fi que pendurado mesmo por cima da marca ao centro da barra horizontal. Quando o fi o-de-prumo estiver pendurado mesmo sobre a marca central, os dois pés da estrutura em A estão nivelados (à mesma altura). Virar a estrutura em A e pôr cada perna no lugar onde a outra estava. O fi o-de-prumo deve também estar pendurado sobre a marca central. Se o fi o não estiver pendurado sobre a marca do centro, repetir este processo até fi car na posição desejada.


Decidir onde colocar cada barreira

Assim que a estrutura em A estiver construída, decida mais ou menos a que distância, umas das outras, as barreiras vão ficar encosta abaixo. A sua primeira barreira deve estar perto do cimo do seu campo, para parar a água dos campos acima do seu. O lugar onde você coloca as outras barreiras depende da inclinação. Para inclinações elevadas, as barreiras devem estar a 10 metros de distância umas das outras. Para inclinações moderadas, elas devem estar a 15 metros de distância umas das outras. Para inclinações suaves, elas devem estar a 20 metros de distância entre si. Se precisar de trabalhar numa encosta muito inclinada, é melhor fazer socalcos (terraços) individuais para as árvores, ou buracos de plantio individuais ou pequenos socalcos para as culturas, em vez de lavrar ou cavar valas.

Illustration of the below: Trees spaced along a slope which varies in steepness.
Suave
Moderada
Inclinada
20 m
15 m
10 m
Você pode medir com uma estrutura em A, uma fita métrica ou os seus passos.

Também é importante ter em conta o solo. Os solos argilosos não absorvem água facilmente, por isso as barreiras devem estar mais perto umas das outras. Se o solo for arenoso ou tiver muita matéria orgânica, vai absorver a água facilmente e as barreiras podem estar mais afastadas umas das outras. Quando você tiver uma ideia da distância que quer entre as barreiras, ponha estacas no solo para as marcar.

Como marcar as linhas de contorno

2 people use an A-frame to find a contour line.

O próximo passo na preparação da construção das barreiras de contorno é descobrir as linhas de contorno.

  1. No topo da encosta, onde quer a primeira barreira, colocar a estrutura em A para que ela fi que ao longo do monte, nem para cima nem para baixo do monte. Pôr uma perna da estrutura em A onde quer que a linha de contorno comece. Deslocar a outra perna da estrutura em A até que o fi o-de-prumo esteja pendurado sobre a marca central. O contorno está onde os pés da estrutura em A estiverem colocados quando o fi o-de-prumo estiver na marca central.
  2. Pôr uma estaca perto do lugar onde está a segunda perna da estrutura em A.
  3. Virar a estrutura em A para descobrir o próximo lugar ao longo do monte e repetir o primeiro passo. Continuar até chegar ao fi m do campo ou encosta, marcando cada dois metros com uma estaca.
  4. Illustration of the below: a hill.
    Linhas de contorno marcadas com estacas
  5. Deslocar-se para o lugar seguinte onde você quer pôr a barreira (10 a 20 metros para baixo na encosta) e repetir o processo.
  6. Quando acabar de marcar cada linha de contorno, colocar-se na ponta de cada linha e olhar para as estacas. Reparar se cada linha de contorno é uma curva regular ou não. Pode ser preciso deslocar um pouco algumas das estacas para fazer uma curva regular.

Orientações para construir as barreiras de contorno

Assim que as linhas de contorno estiverem medidas e marcadas, e depois de você decidir que tipo de barreira é melhor para o seu terreno, tenha em conta estas orientações gerais:

  • Preservar ou plantar árvores e plantas. Se a encosta for muito inclinada, as árvores que já lá estão a crescer ou as árvores que você plantar vão protegê-la, impedindo-a de cair. O capim e as plantas com raízes fortes vão ajudar a segurar o solo e a água.
  • Atrasar o movimento da água para baixo, mas deixá-la continuar a mover-se. É importante deixar a água deslocar-se, seja para baixo da encosta ou para o solo. Barreiras mal planeadas podem levar à criação de águas estagnadas, o que deixa os mosquitos reproduzirem-se e espalha a malária e outras doenças.
  • Resolver os problemas assim que eles acontecem. As grandes tempestades podem levar uma vala de contorno a destruir-se ou uma parede a partir-se. Arranje-a imediatamente, para impedir mais erosão.
  • Começar pelo topo. A água corre para baixo da encosta. Ao começar pelo topo, você protege tudo o que está em baixo e pode usar muitas barreiras pequenas.

Diferentes tipos de barreiras de contorno

Use a barreira de contorno que é mais fácil de construir e que funciona melhor no seu terreno.

EHB Ch15 Page 293-1.png
2 people build a woven check dam out of brush.
Barreiras vivas feitas com árvores, arbustos, capim e outras plantas cultivadas nas linhas de contorno, retêm a água e o solo. Barragens feitas com silvado, pedras ou caniço colocado ao longo de ravinas e áreas erodidas onde a água fl ui. Estas barragens deixam a água passar, mas atrasam a sua velocidade.
A man builds a wall with stones.
A man points to a trench.
Paredes com 30 cm de largura e pelo menos 25 cm de altura, feitas com pedras, terra, capim ou outros materiais, vão atrasar a velocidade de água e ajudar a infi ltrá-la no chão. Valas que orientam o fl uxo da água para uma certa área. Para ajudar a água a infi ltrar-se no solo, faça pequenas barreiras a cada 8 a 19 metros dentro da vala.
EHB Ch15 Page 293-5.png
Illustration of the below:a man digs a swale with a hoe.
Gabiões are wire cages fixed to the sides of a gully and filled with stones that catch and hold soil. Pequenos montes são barreiras de terra com uma vala do lado que sobe a encosta. O solo cavado para fazer a vala é amontoado abaixo da vala para fazer o pequeno monte. Faça a vala 3 vezes mais larga do que a sua profundidade, para que os lados não sejam destruídos. Árvores ou arbustos podem ser plantados na vala para tirar partido da água e no pequeno monte para o segurar no seu lugar.



Esta página foi actualizada: 30 nov. 2022