Hesperian Health Guides

Problemas (respiratórios) dos pulmões

Neste capítulo:

A poluição do ar causada pela queima de combustíveis fósseis (carvão, petróleo, gasóleo e gás natural) põe muitos químicos tóxicos e partículas perigosas, como a fuligem e os fumos, no ar que respiramos. A poluição do ar causa problemas de saúde graves. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, ela mata 3 milhões de pessoas em cada ano.

As duas partes principais da poluição do ar são um gás tóxico chamado ozono e partículas. As partículas são pedaços mínimos de fuligem, fumo, metais, químicos, poeira, água e borracha de pneus. As partículas mais pequenas são as mais perigosas, porque entram bem fundo nos pulmões. A exposição às partículas pode causar ataques de asma e bronquite e aumenta as constipações, gripes e outras infecções respiratórias. O ozono é uma susbtância fortemente irritante, que faz com que as vias respiratórias da pessoa se apertem, forçando os pulmões a trabalhar com mais força e tornando os problemas de pulmões existentes ainda piores. Ele também pode causar dores de cabeça, respiração ruidosa (pieira), dores no peito, náuseas e cansaço, e torna a pessoa mais vulnerável a infecções dos pulmões, incluindo a tuberculose ou a pneumonia.

Quase imediatamente, o ar sujo ou com fumos causam irritação nos olhos (olhos a chorar), boca seca, tosse ou respiração ruidosa. Níveis elevados de poluição do ar podem também estragar os pulmões. A poluição pode piorar alguns problemas de saúde ou doenças dos pulmões já existentes e fazer com que o coração e os pulmões trabalhem mais para fornecer oxigénio ao corpo, causando dificuldade em respirar, cansaço extremo e dores no peito.

A exposição a longo prazo ao ar poluído faz com que:

  • Os pulmões envelheçam mais rapidamente;
  • Se desenvolvam doenças crónicas dos pulmões, como por exemplo asma, bronquite crónica, enfisema e cancro dos pulmões;
  • As pessoas morram mais cedo, frequentemente de ataque de coração ouderrame cerebral.

A poluição do ar é muito perigosa para as pessoas que já têm problemas de coração ou doenças dos pulmões, mulheres grávidas, crianças com menos de 14 anos cujos pulmões ainda se estão a desenvolver e pessoas que trabalham ao ar livre ou que fazem muito exercício ao ar livre.

Prevenção e Tratamento

Alguns problemas de saúde causados pela poluição do ar não têm cura, como por exemplo cancros, enfisema ou asma, embora as pessoas possam viver com estes problemas durante muito tempo. Afastar-se do ar poluído pode atrasar o processo de muitas doenças dos pulmões, mas isto não é possível para muitas pessoas.

Bronquite crónica

A bronquite crónica é uma inflamação (inchaço) das principais vias respiratórias nos pulmões Fumar ou respirar passivamente fumo de tabaco da poluição do ar, de fumos químicos e de poeira são as principais causas da bronquite crónica

Quando as vias respiratórias de uma pessoa estão irritadas, forma-se um muco espesso que as tapa, tornando mais difícil respirar. Os sintomas da bronquite crónica incluem uma tosse que produz um muco amarelo esverdeado, dificuldade em respirar, aperto no peito, respiração ruidosa (pieira), fadiga, dores de cabeça e inchaço nos tornozelos, pés e pernas.

Asma

A asma é uma doença crónica comum nas crianças e nos adultos. Os sintomas são respiração ruidosa (pieira), tosse, perda da respiração e aperto no peito. Estes problemas acontecem quando as vias respiratórias nos pulmões se fecham e os pulmões se enchem de muco. A poluição industrial e os produtos tóxicos são causas comuns da asma, embora os ataques de asma sejam causados por muitas coisas.

EHB Ch16 Page 331-1.png
Durante um ataque de asma, deve sentarse para a frente, pôr as mãos nos joelhos, pôr as costas em arco, expandir o peito e tentar descontrair.
Tratamento

Para aliviar um ataque de asma, você deve inalar medicamentos que abrem as vias respiratórias. Se não houver medicamentos de alívio rápido disponíveis, tente beber café forte ou chá preto, éfedra (ma huang) ou pseudoefedrina. Os medicamentos de alívio rápido controlam os efeitos de um ataque de asma – eles não previnem os ataques. Para tratamento, consulte um trabalhador de saúde.

Prevenção

O tratamento a longo prazo pode ajudar a prevenir os ataques de asma, torná-los mais suaves ou menos frequentes. Se não estiverem disponíveis medicamentos de longo prazo, o uso de Nigella sativa (semente preta, kalonji, habba sawda) pode prevenir ataques de asma. Duas colheres de chá de semente preta uma vez por dia com mel ou iogurte vão fortalecer os pulmões e o sistema imunitário.

Para prevenir os ataques de asma, evite ou reduza o contacto com o que desencadeia os ataques, incluindo:

  • Fumo de cozinhados, aquecimentos e tabaco;
  • Poluição exterior do ar proveniente de fábricas e automóveis. Quando a poluição é forte, as pessoas que têm asma devem ficar dentro de casa e não fazer trabalho físico forte;
  • Produtos químicos provenientes de tintas, solventes, pesticidas, perfumes e produtos de limpeza;
  • Acaros do pó. Retire brinquedos de peluche e tapetes das áreas de dormir.
  • Pêlos e penas de animais, incluindo de animais de estimação;
  • Baratas e outras pragas de insectos.
  • Bolor.
  • Ansiedade emocional e física que muitas vezes ocorre com as grandes mudanças na vida, o trabalho em excesso e o exercício físico pesado.

Asbestose

O amianto ou asbesto é um minério que foi em tempos usado para protecção contra o fogo nos edifícios e em alguns aparelhos eléctricos. O amianto é feito de pequenas fibras que entram no ar e são respiradas para dentro dos pulmões, onde causam estragos permanentes. O amianto é tão perigoso que foi proibido por muitos governos

A exposição ao amianto levou à asbestose e ao cancro dos pulmões. Os sintomas iniciais destas doenças são tosse, falta de respiração, dores no peito, perda de peso e fraqueza. Para mais informação sobre o amianto.


Esta página foi actualizada: 23 fev. 2024